Dólar opera em alta por temores com coronavírus

Leia Mais

+55 (41) 3223.2828

Taxas de Câmbio

Dólar opera em alta nesta quinta

Dólar opera em alta nesta quinta

Na quarta-feira, moeda norte-americana caiu 0,31%, vendida a R$ 4,0518.

Por G1

09/01/2020 09h05  Atualizado há 35 minutos

       --:--/--:--     Donald Trump fala sobre os ataques iranianos que atingiram bases militares no Iraque

Donald Trump fala sobre os ataques iranianos que atingiram bases militares no Iraque

 

O dólar opera em alta nesta quinta-feira (9), apesar do maior apetite por risco no exterior devido ao alívio das tensões no Oriente Médio e ao otimismo sobre um acordo comercial entre Estados Unidos e China.

Às 9h08, a moeda norte-americana subia 0,42%, vendida a R$ 4,0690. Veja mais cotações.

No dia anterior, a moeda norte-americana caiu 0,31%, vendida a R$ 4,0518. Na parcial do mês, o dólar acumula alta de 1,05%.

Variação do dólar em 2020Diferença entre o dólar turismo e o comercial, considerando valor de fechamentoEm R$Dólar comercialDólar turismo (sem IOF)30/1202/0103/0106/0107/0108/013,9544,054,14,154,24,254,3Fonte: ValorPro

 

Cenário internacional

 

No cenário internacional, os destaques são o recuo de uma escalada militar no Oriente Médio e China acenar com acordo comercial com os EUA em Washington na próxima semana.

Na véspera, o presidente americano, Donald Trump, anunciou novas sanções ao Irã, em vez de uma ação militar imediata, e disse que os Estados Unidos estão “prontos para abraçar a paz com todos que a buscam”.

Em nota, a XP Investimentos afirmou que "os investidores aguardam próximos desdobramentos, mas o consenso ainda é de que uma escalada no conflito entre EUA-Irã seja improvável".

O vice-primeiro-ministro da China, Liu He, chefe da equipe de negociação do país na disputa comercial com os Estados Unidos, assinará a fase 1 do acordo em Washington na próxima semana, disse o Ministério do Comércio nesta quinta-feira (9).

 

Cenário local

 

No cenário local, o mercado repercute o resultado pior do que o esperado para a produção industrial em novembro.

Neste pregão, os investidores estarão de olho ainda em uma entrevista com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, a partir das 10h desta quinta-feira.

Fonte: https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/01/09/dolar.ghtml